Arquivo

Archive for junho \12\UTC 2006

Question

o que fazer quando o botão de foda-se na sua vida está prestes a ser apertado?
POR VOCÊ MESMO!!!

Anúncios

Nothing else matter´s

Eu tenho uma doença. Uma doença muito grave. Nenhum médico jamais irá curá-la. Nenhum pai de santo vai conseguir expulsá-la. Tão pouco um curandeiro, pajé, espirita, padre ou qualquer um que prometa esse tipo de cura.
Somente aqueles que convivem comigo poderão me dar paz e sossego. Mas o mundo é tão corrido. As vidas são corridas. As pessoas não tem tempo de te dar atenção. Quanto mais olhar a fundo nos seus olhos e tentar sentir o que você está sentindo. Se pelo menos eu pudesse explicar com palavras o que sinto….
Mas não é o sentimento, nem tão pouco minha alma solitária (se é que existe) que irá me sucumbir a um buraco no chão. Nâo mesmo. Tenho uma vida longa pela frente. Tenho sonhos a serem realizados, e tudo o que eu preciso é da ajuda destas pessoas que eu ainda incisto em chamar de amigos.
Palavra forte para definir uma pessoal. Não é por que ela lhe emprestou algum dinheiro quando passava fome que ela será uma pessoa confiável. Não é por que ela conta piadas engraçadas que ela será uma pessoa conselheira. Não é por que ela te aconselha é que ela será uma pessoa de palavra. E poderia continuar por linhas e linhas, até talvez, e eu volto a repetir, TALVEZ, possa ter a definição da palavra amigo.
Quando você está sozinho, na escuridão do seu quarto, antes do dormir, o que penssa? Eu pensso em diversas coisas. Diversas mesmo. Um penssamento vai se ligando ao outro e quando vejo já imaginei tantas asneiras, que se fosse prolongar um pouquinho de cada uma, poderia escrever um senhor dos aneis, livro IV. Mas pensso principalmente nas atitudes que tiveram comigo. Pode ser do dia, pode ser na semana, até no ano. Pensso também nas atitudes que tomei no dia, na semana, no ano também. Mas pensso principalmente se eu voltaria atras nessas atitudes.
Arrependimento? Não. Eu diria burrice. Quando se começa a escutar mais as vozes exteriores do que as interiores, seu penssamentos começam a ser não mais para sí, mas para os outros. O que talvez seria bom para alguém, pode não ser para você, mas mesmo assim julga que é o melhor a fazer e o faz, mas quando esse pano sai, esse pano que te encobriu e não deixou você penssar por si próprio, aí que tens a verdadeira merda atirada no ventilador.
E sabe o que poderia me curar nestas horas?
Um abraço, um simples abraço forte e demorado.
Um abraço vindo de alguém que realmente se importa contigo.
Um abraço demorado, que significaria muito mais do que palavras; ou gestos; ou ações.
Demonstraria que este alguém está ali, firme contigo, para encarar as ondas da vida.
Uma pena eu ter amigos tão bons e significativos longe de mim, que poderiam ao menos me alimentar com um soro de esperança.

Abraços.

CONSELHOS MASCULINOS PARA AS MULHERES

1. Chorar é chantagem emocional.
2. DIGA o que quer. Indiretas sutis não funcionam.
3. Não corte os cabelos. NUNCA.
4. As vezes, nós NÃO estamos pensando em vocês. Conviva com essa idéia.
5. Livre-se do maldito gato.
6. Qualquer coisa que tenhamos dito ou feito a 6 ou 8 meses não é aceitável como argumento numa discussão.
7. Qualquer coisa que você vestir ficará bem. Mesmo! Falando sério!
8. Cristóvão Colombo não precisou de ninguém falando qual era o caminho. Nem nós.
9. Você tem sapatos demais.
10. Se você estiver se achando gorda, é porque provavelmente você está gorda. Por favor, não nos faça essa pergunta.
11. Aprenda a lidar com a tábua do sanitário. Se estiver levantada, e só abaixá-la.
12. Anote datas especiais, aniversários, etc, em um calendário de forma BEM VISÍVEL.
13. SIM e NÃO são respostas perfeitamente plausíveis.
14. Uma dor de cabeça que já dura 17 meses é um problema sério. Vá ao médico.
15. Não finja. Ser ineficiente é mais fácil de digerir do que ser feito de bobo.
16. Domingo = Esportes.
17. Se você não se veste como uma modelo de lingerie, não espere que nós nos comportemos como galãs de novela.
18. Se uma coisa que nós dissemos pode ter duas interpretações, e uma delas te deixa triste ou com raiva, nós tivemos a outra intenção.
19. Você pode nos pedir para fazer uma coisa OU nos dizer como gostaria que ela fosse feita. Nunca as duas coisas ao mesmo tempo.
20. Mulheres vestindo blusinhas decotadas, ou ínfimos sutiãs de biquíni perdem o direito de reclamar que nós não tiramos os olhos dos seus seios.
21. E por fim a melhor de todas : “Não esfregue a lâmpada se você não está com vontade de ver o gênio”.

A verdade sobre o consumo de bebidas alcoólicas

1- O USO CONTÍNUO DO ÁLCOOL PODE LEVAR AO USO DE DROGAS MAIS PESADAS?
Não, o álcool é a mais pesada das drogas: apenas uma garrafa de cerveja, pesa cerca de 900 gramas.

2- A CERVEJA CAUSA DEPENDÊNCIA PSICOLÓGICA?
Não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados afirmam que preferem whisky.

3- MULHERES GRÁVIDAS PODEM BEBER SEM RISCO ?
Sim. Está provado que nas blitz da polícia, eles nunca pedem pra fazer o teste nas gestantes.. E quando elas têm que andar em linha reta, os guardas acham que ela está torta pelo peso da barriga.

4- CERVEJA PODE DIMINUIR OS REFLEXOS DOS MOTORISTAS?
Não. Uma experiência foi feita com mais de 500 motoristas: foi dada 1 caixa de cerveja para cada um, e, em seguida, colocaram um por um diante de um espelho. Em nenhum dos casos os reflexos foram alterados!!!

5- EXISTE ALGUMA RELAÇÃO ENTRE BEBIDA E ENVELHECIMENTO?
Sim. A bebida envelhece muito rápido. Para se ter uma idéia, se você deixar a cerveja aberta em cima da mesa por muito tempo, sem um acondicionamento especial, ela perde o seu sabor em aproximadamente quinze minutos.

6- A CERVEJA ATRAPALHA NO RENDIMENTO ESCOLAR ?
Não, pelo contrário. Alguns donos de faculdade estão aumentando suas rendas com a venda de cerveja nas proximidades de bares universitários.

7- BEBIDA MATA?
Sim. Anos atrás, soube-se que um rapaz, ao passear pelas ruas, foi atingido por 1 caixa de cerveja que caiu de um caminhão, levando-o à morte instantânea. Além disso, casos de infarto do miocárdio em idosos têm sido associados às propagandas de cervejas com modelos gostosas.

8- O QUE FAZ COM QUE A BEBIDA CHEGUE AOS ADOLESCENTES?
Inúmeras pesquisas vêm sendo feitas por laboratórios de renome. Todas indicam que, em primeiro lugar, estaria o garçom.

9- A CERVEJA CAUSA ALGUMA DIMINUIÇÃO DA MEMÓRIA?
Que eu me lembre não !

sunshine dawn of my life

Acordei as 3 da madrugada, meu celular tocou. Um número estranho acusava no visor do meu celular. Um número que nunca havia visto, nem tão pouco sabia que existia.
Uma voz estranha começou a falar. Dizia que agora eu teria uma nova vida, meus sonhos todos iriam se realizar, que o tempo agora não seria problema, e que eu teria todos os amigos que eu desejasse.
Não me importei muito quando ele desligou e voltei a dormir. Ou ao menos tentei, pois meus olhos não cerravam mais, e eu estava olhando a porta entre-aberta do meu guarda-roupas abrindo e fechando, como se alguma coisa o movesse. Notei então que a janela estava aberta, e um vento corria pelo quarto inteiro.
O mais estranho é que não senti frio, mesmo fazendo 10º lá fora. Imaginei que fosse algo desse emaranhado de miolos que guardo na minha cabeça, alucinando alguma coisa pois está de madrugada, não costumo penssar direito a estas horas.
Mas meus olhos não pregavam, e então resolvi fazer alguma coisa. Para não fazer barulho em casa, resolvi sair pelas ruas da cidade. Estava ainda escuro, pois ainda não passava das 4 da manhã.
Entre bebados, morimbundos, prostitutas e trabalhadores, fui acompanhado de minha fiél motocicleta por um percursso que não posso descrever, pois estava somente penssando agora naquela ligação.
O que o sujeito desejava me dizer? Por que ele disse que o tempo não seria mais problema para mim? Nâo conseguia entender o por que fui “premiado” com esta ligação matutina, e menos ainda do por que ele não se apresentou nem tão pouco esperou que eu me pronunciasse.
Comecei a sentir algo que borbulhava dentro de mim. Era uma sede estranha, que nem a pior das ressacas poderia proporcionar. Era uma sede não de líquido, mas de vida.
Descobri isso depois que me encontrei banhado no sangue de uma prostituta que voltava pra casa.
Já eram 6 horas, e o sol começava a despontar. As últimas palavras do sujeito no telefone eram “Cuidado com o alvorecer”. Agora entendo o porque virei cinzas.

TURNING BACK

Resolvi voltar no tempo e voltar também com este famigerado blogg.
Por enquanto não postarei nada de muito interessante aqui, mesmo por que verão que estarei com bastante tempo…..a noite.
Escreverei algumas das minhas tempestades cerebrais e jogarei para esta rede mundial de putaria e entretenimento.
Aos que lêem, meus sinceros agradecimentos.
Aos que não lêem, não estão perdendo nada.